21.4.13

Puro e duro

É no reverso do verso,
no seu lado mais opaco
que me sinto quando perco
num labirinto abstracto,

já que o presente, confesso,
apodrece de maduro,
é virado do avesso,
no seu lado mais escuro,

que me dou conta do preço
do reverso, puro e duro.

Domingos da Mota

[inédito]

Sem comentários:

Enviar um comentário