3.9.15

Aylan Kurdi

Arrastado na fuga para a vala
comum que aprofunda a crueldade,
foragido da guerra ou duma bala
perdida nos confins da iniquidade,
ao dar à costa, depois do naufrágio,
o corpo exangue do menino morto
agravou a ferida do presságio
de que a esperança pode ser um porto
de desabrigo, de pavor, de medo,
de quem sendo novíssimo tem cedo
o caminho das pedras tão hostil
ou das águas sem pé dum mar revolto,
mar encrespado convertido em esgoto
de perdição e de cinismo vil.

Domingos da Mota

[inédito]

Sem comentários:

Enviar um comentário