18.1.16

As aspas

   Porque a literatura é uma arte
     escura de ladrões que roubam a ladrões.

     Manuel António Pina


São apenas umas aspas

(não é tinha nem é caspa
nem é usocapião)

que nos indicam as fontes,

ampliam horizontes
ou nos estendem a mão.

Sobretudo marcas d'água,

das que separam as águas
no leito do mesmo rio.

Não é tinha nem é caspa:

são apenas umas aspas
de arranjos para assobio.

Domingos da Mota


[revisto]

Sem comentários:

Enviar um comentário