5.9.16

Especiarias

Com pimenta na língua e um grão
na asa quando bebe mais um copo,
mostarda no nariz e um farpão
na ponta do insulto ou do piropo,
língua solta, de trapos, sem canela,
noz-moscada, coentros, açafrão,
a pedir aguarrás, uma barrela,
e a leitura atenta do Sermão
de Santo António aos peixes, malagueta,
piripíri, tabasco e vinagre,
e mesmo que te faça uma careta
e brade e vocifere, porque arde:
usa e abusa das especiarias,
consoante as diversas litanias.

Domingos da Mota

[inédito]

Sem comentários:

Enviar um comentário