1.1.17

Dia Um de Janeiro

    Não me mostres nenhum norte
     nem estradas para lá:

     A. M. Pires Cabral


Não me tracem bissectrizes,
azimutes, direcções:
o tempo, como as raízes,
não precisa de sermões,
de decretos e alvitres
e nem sequer de parábolas,
de conselhos ou palpites,
mnemónicas ou cábulas.
Não me indiquem qualquer norte.
Habituado a nortadas,
apenas quero o suporte
das futuras caminhadas,
enquanto as pernas puderem
com os ossos que tiver.

Domingos da Mota

[inédito]

2 comentários: