10/08/2016

LAVOISIER

Na poesia, 
natureza variável
das palavras,
nada se perde
ou cria,
tudo se transforma:
cada poema,
no seu perfil
incerto
e caligráfico,
já sonha
outra forma.

Carlos de Oliveira

TRABALHO POÉTICO, Livraria Sá da Costa Editora, 3:ª edição, Lisboa, 1998

Sem comentários:

Enviar um comentário